BDSM e suas lendas urbanas

 

 

 

 

Ontem li um tópico de um assunto que volta e meia ressurge nos foruns BDSM. A lei do Amém entre as(os ) submissas(os). O tipo de submissa ( por praticidade vou falar no feminino até porque é de onde vejo o mundo ) que se anula, que não pensa, que perde sua vontade e que por suposto não instiga o apetite de Dominação dos Tops. As subs acéfalas como dizem alguns em contrapartida às subs inteligentes. Lendo ontem um tópico e refletindo sobre uma suposição de Dom Tormentos que bem humoradamente a chamou de “dogma” de que as submissas mais obedientes lhe parecem ser as mais inteligentes ( a frase pode nao ser exatamente esta mas é algo semelhante, nao tenho a referência aqui ) me fez pensar. Qual submissa “acéfala” ou adepta do amém incondicional conheço? Nenhuma. Todas que conheço pessoalmente ou virtualmente são interessantes e tem seu próprio brilho. Entendo, que as vezes atitudes vistas de fora e analisadas superficialmente podem dar a sensação a alguns de submissas não pensantes.No entanto, enganam-se.

 

Ser submissa não é anular-se e sim um desejo que encontra eco na complementariedade do desejo do outro, em dominar. E esse desejo no universo BDSM,o entendo como situado num plano absolutamente erótico. Talvez algumas pessoas tragam a idéia de submissão, à falta de vontade, ao jugo compulsório e esqueçam de que é consensual nao no sentido meramente de permitido mas de desejado, por vezes, solicitado mesmo.

Submissão e Dominação no contexto BDSM têm significados próprios, são conceitos específicos absolutamente diversos dos conceitos de dominação e submissão tal qual o usamos no senso comum ou o encontramos nos dicionários e o que da esta especificidade é justamente a erotização do poder e a consensualidade desejada.Nao é possivel ler submissao e dominação aqui com a noção de submissão e dominação politica, economica, social por exemplo.

Talvez pessoas pouco atentas nao diferenciem isso e numa leitura simplista entendam submissas como inferiores intelectualmente e fracas em personalidade. Mas isso nao deixa de ser um preconceito gerado por uma ideia senso comum de submissão e dominação, portanto, vinda de fora do contexto BDSM.

Penso que submissas “não pensantes” e que so dizem amém verdadeiramente é lenda urbana, nao existem por que nao é possivel existirem. Se a submissa complementa o Dominador, qual o sentido que há para um Dominador apossar-se de alguem que simplesmente lhe diz amém. Isso perverte o sentido da dominação posto que não ha o que dominar, seria apenas um apropriar-se de território vazio.

A falta as vezes de embasamento de quem lê coisas ou vê situações, ilude fazendo parecer que aquela submissa que ali diz “sim, Senhor” e cumpre uma tarefa não tem vontade, ao contrário essa é conscientemente sua vontade e o faz porque assim deseja e sempre numa situação relacional, há os feddbacks que fornece ao Dominador e que ele lhe sinaliza fazendo evoluir a relação.No entanto , isso não é em absoluto, evidência de falta de vontade ou de inteligência como dizem alguns.

Retomando o “dogma” recem criado por Dom Tormentos, entendo o que quis dizer, que mulheres nao diria mais inteligentes mas como ele mencionou com boa formação e boas profissionais e com vidas pessoais resolvidas podem ser sim mais obedientes, porque talvez essa trajetória lhes permita ter uma melhor compreensão de si mesmas e do papel que o masoquismo e/ou a submissão tem em seus projetos eróticos, portanto, nao faz sentido escolher viver esse desejo e insubordinar-se contra ele. Defesas e resistências existem no plano individual, existencial mas o que nao as leva necessariamente ao questionamento da submissão em si, com é entendido no contexto BDSM.

Submissas burras nao existem, é uma lenda urbana, existe sim, submissas que talvez nao compreendam exatamente o conceito daquilo que estão vivendo, talvez ainda, mulheres que buscam na submissão BDSM outra coisa que nao o proposto pelo conceito em si e ousaria dizer que , muito ao contrário, ha, possivelmente, as especialmente hábeis em “manipular” com este conceito.No entanto, retornando a idéia de que o próprio meio exclui os “bárbaros” teoricamente elas nao obtêm muito êxito, pelo menos por muito tempo, porque se nos mantivermos na linha da transferencia erotica do poder que define a relação D/s, teremos uma situação atípica que nao se sustenta entre aqueles que bem compreendem os conceitos BDSM.

Submissas burras e que apenas brincam de tudo que seu Mestre mandar, não conheço.Creio ser so mais uma lenda urbana.

 

 

7 Responses to “BDSM e suas lendas urbanas”

  1. Lorde Addam Says:

    E vem essa ratinha propôr cada vez mais sobre o comportamento no meio, em uma visão quase de fora, mas que mostra aprofundamente cada vez mais intenso e sincero.

    Realmente, submissas totalmente acéfalas são um mito, um extremismo no meio, mas realmente há aquelas q acham q tão somente obediência cega seja o caminho ideal. É como o mito da imparcialidade, na comunicação.

  2. anammk Says:

    Lorde Addam

    essa ratinha tem essa mania, Senhor, de ir aprofundando-se.

    Nao ha acefalos ( ate pq morreriam, *rs*) mas ha visoes distorcidas tanto dos que creem que a obediencia cega é o caminho quanto dos que olham a submissão focados em conceitos outros nao BDSM, foi o que quis dizer.
    Obrigada,Senhor, pelo comentário.
    bjs
    ana

  3. rose Says:

    .

    Powwwwww ana! Eu gostei dessa sua reflexão hein!

    Eu ia escrever sobre isso no meu blog hoje pra acabar com o recesso de lá rss mas vim no seu, não precisa mais.

    Bjo

    .

  4. anammk Says:

    rose,
    brigada mas o assunto nao se esgota né, nunca a gente se cala por falta de assunto, amiga *rs*.
    beijocas
    ana

    vou te visitar la,prepara um cafezinho.

  5. klara | K@ | Says:

    Puxa… Acabei de ter uma discussão sobre isso e lendo esse texto, fico ainda mais convicta de que não estou fora do contexto, parabéns e obrigada por compartilhar desses pensamentos conscientes e informativos.

    Luzes no seu kaminho!

  6. klara | K@ | Says:

    Parabéns pelo seu espaço…
    Luzes no seu kaminho!

  7. anammk Says:

    Obrigada klara|K@|,

    Seja sempre bem vinda,
    bjs
    ana.mmk

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: